Todos os post de pigozzo

Carnaval de rua em São Paulo

Com um fim de semana de atraso, coloco aqui os blocos de rua que circularão por São Paulo no mês de fevereiro.

Vamos ai?

Sábado, 4 de Fevereiro

18h – Banda da Grande Família – Santana
Concentração: Av. Engenheiro Caetano Álvares, 7599

Domingo, 5 de Fevereiro

14h – Trema na Linguiça – Vila Madalena
Concentração: Coqueiro Drinks

Sexta-Feira, 10 de fevereiro

21h – Banda Bantantã – Butantã
Concentração: Rua Desembargador Armando Fairbanks, USP

Sábado, 11 de Fevereiro

11h – Bloco do ó – Vila Madalena
14h – Bloco Barracão Folia – Barra Funda
Concentração: Abraão Ribeiro, 503 – Barra Funda
15h – Bloco Classe A – Barra Funda
Concentração: Rua Souza Lima, 295
16h30 – Bloco da Ressaca – Cambuci
Concentração: Largo do Cambuci

Domingo, 12 de Fevereiro

14h – Confraria do Pasmado – Vila Madalena
Concentração: Praça Praça Rafael Sapienza, em frente ao Mercearia S. Pedro
16h – Banda Grone’s – Tremembé
Concentração: Rua Sena
16h – Acadêmicos do Baixo Augusta – Consolação
Concentração: Sonique
18h – Banda do Fuxico – República
Concentração: Largo do Arouche

Segunda-Feira, 13 de Fevereiro

21h – Banda Redonda – Consolação
Concentração: Rua Theodoro Baima com Rua da Consolação

Quarta-Feira, 15 de Fevereiro

21h – Banda do Candinho – Bixiga
Concentração: Rua Santo Antônio com Rua 13 de Maio

Quinta-Feira, 16 de Fevereiro

19h – Bloco Umes Caras Pintadas – Bixiga
Concentração: Rua Rui Barbosa, 323.

Sexta-Feira, 17 de Fevereiro

21h – Banda do Trem Elétrico, Consolação
Concentração: Rua Augusta com Rua Luiz Coelho
Sábado, 19 de Fevereiro até 21 de fevereiro

19h – Vai Quem Quer, Vila Madalena

Segunda-Feira, 20 de Fevereiro

14h – Banda dos Esfarrapados – Bela Vista
Concentração: Rua Conselheiro Carrão, 466

Fonte: Guia da Semana

Ciclorrota Metro Butantã-USP

Há algum tempo tenho utilizado a bike para ir trabalhar na USP.
Meu trajeto atual é Metrô Butantã-USP. No dia Mundial Sem Carro, foi inaugurada a Ciclorrota que liga a Estação Butantã do metrô com a portaria principal da USP.
Usando-a hoje notei algumas falhas. Primeiro para chegar na ciclorrota é preciso atravessar a Av. Vital Brasil num farol de pedestre para chegar na rua Eng. Bianor. A partir daí segue outro cruzamento difícil, o com a rua Camargo, a qual serve de ligação do final da Raposo com a Marginal Pinheiros, ou seja, uma rua nada tranquila. Após esse obstáculo, a rota acaba em uma ciclovia no canteiro central da Av. Afrânio Peixoto. Para chegar lá, foi criada uma faixa de bicicleta cruzando essa avenida. No 1º dia havia um agente da CET parando o trânsito para deixar as bicicletas passarem. Resta saber se essa faixa será respeitada sem precisar de guarda por lá. Esperamos que sim.
Apesar desses pequenos probleminhas, acho que essa ciclorrota vai ajudar muito quem obtar utilizar bike para vir a USP em vez dos abarrotados ônibus.

E só para não ficar sem foto, achei essa no site do IG falando sobre o Dia Mundial Sem Carro.