Arquivo da tag: educação

Blog: A smarter planet

O blog A Smarter Planet está aí desde novembro de 2008, mas só trombei com ele agora. Sua proposta:

A Smarter Planet is a blog intended to provide readers with thought-provoking content and a place to talk about the issues raised within the content. It is our hope that you will feel compelled to share some of the things you see, read and hear on this blog with your friends, family and peers. We feel strongly that this blog is not going to deliver final answers to the issues raised, but that it will represent a starting point for conversation around the issues.

Ele possui vários vídeos curtos descrevendo problemas globais de forma simples e direta. Um exemplo que gostei fala sobre a distribuição de energia elétrica.

Visite o blog e o perfil no youtube para ver mais vídeos interessantes.

Novo blog sobre Ensino de Ciências

Pessoal,

Após alguns meses pensando em alguns textos e atividades, é com muito prazer que eu apresento a vocês meu novo blog sobre Ensino de Ciências:

Nesse blog pretendo abrir discussões sobre assuntos pertinentes à área de educação e de Ensino de Ciências (óbvio), mas também pretendo criar algumas aulas experimentais para deixar disponível para quem quiser aproveitar, testar ou modificar 😀

Leiam e comentem!

Abraço

Vida, mar e muita história pra contar

Convido-os a visitar a nova exposição do Centro de Biologia Marinha da Universidade de São Paulo (CEBIMar-USP) sobre a evolução da vida nos oceanos!

vida, mar e muita história pra contar
Estou um pouco atrasado, mas a exposição estará em cartaz na Secretaria de Cultura e Turismo de São Sebastião (em São Sebastião, litoral norte de São Paulo) até o dia 30 de novembro de 2008. Para todas as informações pertinentes entre no site da exposição “Vida, mar e muita história pra contar“.

Eu vi e os cartazes estão excelentes! Tem muita informação e imagens interessantes. Mas não é só isso:

Além dos pôsteres e da amostra de fósseis, a exposição conta com uma sala para atividades interativas com jogos, mesas para desenhos, quebra-cabeças, caixas pretas (com conteúdo para ser descoberto pelo tato) e amostras de peixes marinhos diafanizados. Temos 8 monitores e duas educadoras participando na recepção de escolas e do público em geral.

Os paulistanos terão a oportunidade de ver os cartazes na Praça do Relógio da Cidade Universitária da USP, em São Paulo, no próximo dia 22, das 09 às 18 horas!

Para quem tiver interesse deixo aqui uma reportagem sobre o CEBIMar muito legal. Diversos assuntos são abordados incluindo as pesquisas do centro e a exposição acima:

Diário Ecologia – CEBIMar-USP – Parte 1

Diário Ecologia – CEBIMar-USP – Parte 2

Diário Ecologia – CEBIMar-USP – Parte 3

Reforma ortográfica


Nesse link dá pra baixar um arquivo em PDF que resume as mudanças ortográficas aprovadas recentemente, que têm como objetivo a aproximação dos milhões de pessoas de 8 países que falam a língua portuguesa. Para o acordo começar a valer, pelo menos 3 destes países tinham que assiná-lo, e o fizeram Brasil, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe. Mas obviamente terá um certo tempo (alguns anos) para todos se acostumarem com as novas regras, então ninguém precisa arrancar os cabelos e revisar as dissertações/teses/relatórios!

(Só espero que nosso querido presidente, que assinou o acordo, crie vergonha na cara e aprenda a utilizar corretamente a língua do país que representa…)

Essa notícia , publicada no site da Associação Brasileira de Editoras, fala das consequências (vejam, sem trema!!) para as editoras, que aumentarão os gastos com a contratação de novos revisores e terão que descartar os livros “antigos”.

Bom, entre as mudanças está o fim do trema, o fim de acentos nos ditongos abertos em paroxítonas (quê?), fim do acento circunflexo nas palavras terminadas em eem e oo, fim do hífen em algumas palavras e inserção dele em outras, entre outras…
Mais detalhes no Guia em PDF.

Eu pretendo adicionar mais 2 pontos muito importantes nesse Guia:

1) Pelo-amor-de-quem/o quê-quer-que-seja, FIM DO GERUNDISMO!!! Não existe, nunca existiu e nunca existirá “vou estar fazendo”, “vou estar olhando”, “você pode estar perguntando”, e todas as incríveis variações que a gente ouve por aí! Tá certo que o brasileiro é criativo, mas para tudo tem limite…

2) “para MIM + verbo” NÃO EXISTE!!

😛