Brasileiro 2007

Este é um post que poucos esperariam sair de mim, mas como passei os ultimos 90 minutos acompanhando a rodada definitiva do Campeonato Brasileiro, pensei em algumas palavras para colocar aqui.

Num campeonato de campeão decidido à 4 rodadas atrás pelo fantástico e excelênte TRICOLOR, a emoção, ibope e arrecadação das rodadas finais ficou no outro extremo da tabela.
Tentar ser imparcial no futebol é muito difícil. Pegamos por exemplo a GLOBO, na qual passei os momentos seguintes ouvindo baboseiras e odes ao Corinthians.

Mas esse final de campeonato foi a sintese do que o futebol deveria ser: emoção. É uma pena (pelo menos para os corinthianos) que tamanha emoção tenha ocorrido no lado inferior da tabela, tendo a torcida para que o time não caia. Mesmo que tenha sido favorecido por torcer para um time que foi muito competente nesse campeonato, sempre é muito mais emoção quando tão acirradas e disputas partidas ocorrem para definir o campeão.

Espero que para o próximo Brasileiro haja esse tipo de emoção para muitos. A mesma emoção que os torcedores sentem em campeonatos como a Libertadores. Não acho que o problema do Brasileiro seja o fato de ser por pontos corridos. Será muito interessante quando mais times possuirem nível suficiente para disputar o primeiro lugar.

E vamos ver o sucesso que o Ipatinga terá na série A. Será ele a GOL do futebol (um pequeno trocadalho que só economistas devem entender)?

4 comentários em “Brasileiro 2007”

  1. Como corintiano nada roxo,achei que encararia com tranquilidade o rebaixamento.Mas foi triste, muito triste!
    Justo, mas triste.
    Fazer o que? É aguentar a zuera dos outros, a segundona e subir ano que vem!!!

    “Aqui tem um bando de loucoo…
    Louco por ti Corinthians,
    Aqueles que acham que é pouco,
    Eu vivo por ti Corinthians.

    Eu canto até ficar roucoo,
    eu canto pra te empurrar,
    vamos vamos meu Timão, vamos meu Timão,
    Não Para de Lutar!”

  2. FAzia tempo que eu não chorava por causa de uma partida de futebol…
    “Eu não devia te dizer
    mas essa lua
    mas esse conhaque
    botam a gente comovido como o diabo.”
    Carlos Drummond de Andrade

  3. Não quero ser hipócrita e dizer que eu não torci contra o curintiá, mas não foi nada mais do que justo.
    Um time que é um dos grandes do nosso país se mostrou um lixo, em grande parte por conta da administração, sim! Mas isso era óbvio…
    Há anos o Curingão vem comprando um bando de jogador caro pra caramba e, nem sempre, ganhando os campeonatos com isso. O que importa é ter investimento em time de base, como exemplo, o próprio São Paulo.
    O rombo no bolso do clube era iminente, logo, não tem como chorar agora. Os jogadores que restaram são um lixo, com exceção ao goleiro (que provavelmente receberá uma boa propósta e sairá do timão)… who the fuck… hell is Fiazzi???
    Um time que aposta as fichas num cara como o Finazzi, só poderia depender de resultado de um time como o Goiás…
    Não quero ficar judiando dos gambazinhos (às vezes é irresistível), mas achei muito lógico o pensamento do Pigozzo (quem diria???).
    Abraço

Os comentários estão fechados.