Arquivo da tag: a alma imoral

Teatro: A Alma Imoral

O trecho a seguir é um excerto da peça A alma Imoral, que está em cartaz no Teatro Eva Herz. A peça consiste num monólogo baseado no livro de mesmo título do autor Nilton Bonder, um rabino da Congregação Judaica do Brasil. Se o texto parece confuso é porque ele está fora do contexto. Porém, dentro da temática apresentada na peça, o trecho faz todo sentido…

“A evolução da espécie está no silêncio do pai que ergue a faca para matar um filho por ordem divina e a detém. Um silêncio que cada homem e cada mulher conhece em sua vida pessoal e coletiva. Um silêncio desafiador, que responde a um impulso interno de sagrada desobediência, uma desobediência que o homem sonha em integrar à paz, à paz que não se fará no estabelecimento de um mundo ideal para um corpo imutável, não se fará através do clone, mas através do mutante, porque o nosso ser é um ser em transformação, tem alma e não é uma alma boazinha como nos fizeram acreditar, mas uma alma profundamente imoral e isso não tem nada de satânico. É que transformaram Satã num espantalho que nos afasta das mudanças. Satã é tudo aquilo que nos embota os sentidos e que nos embota a consciência – é que é mais fácil e conveniente apresentar Satã como um possível resultado do risco do que o apresentar também como o pesadelo da acomodação. Se os que mudam radicalmente de emprego, se os que refazem relações amorosas, se os que perdem medos, se os que rompem, se os que traem, se os que abandonam os vícios experimentam a solidão é possível que essa solidão seja quebrada no encontro com outros que conheçam essas experiências. Haverá pior solidão do que a ausência de si?”

Gostei bastante da peça, então venho aqui recomendar pra todos. Pode parecer engraçado que eu recomende um texto de um rabino, mas mesmo um biólogo cético vai gostar de ouvir as histórias dessa peça.
Aproveito para recomendar também a peça In on It, da qual falei AQUI, porque ainda está em cartaz. Duas peças imperdíveis!

Posted via email from andrekanamura